11 de jun de 2014

Entrando Numa Furada

Nosso parceiro Eugênio Campos, do ES, fundador do grupo "Estórias engraçadas de motos e Barracas" que já foi até o Chile de moto 125cc (e com garupa!), foi da diretoria do Dinossauros MC e tem décadas sobre uma moto, nos dá dicas sobre Pneus Furados.

Valeu parceiro!

***** FUROU !!!! E AGORA ???? *****
Vc vem na boa com a motoca e derepente ela começa a ficar com a frente pesada. A traseira rebola e vc descobre que o pneu furou. Bah tchê!!

Não tem meio termo. É a triste realidade. O pneu furou e vc deu sorte que não foi o dianteiro. É Parar a moto, descer e ja ir planejando uma forma de sair do lugar.
Quando isso ocorre na cidade, normalmente vc tem pra quem ligar, uma oficina de confiança que vai a seu encontro te prestar socorro, um borracheiro nas imediações e tal.
Numa estrada as coisas se complicam um pouco mais. Mas nas rodovias pedagiadas existe assistencia de guincho 24 horas que tira vc do lugar e deixa num posto. Ali vc se vira ( isso deveria ocorrer em todas as Rodovias Federais e não apenas nas pedagiadas ).
E tem tbm aqueles lugarzinhos esquecidos do mapa. E quando fura por ali, vc ha de estar preparado pra resolver seu "pepino" sozinho.

- AÇÃO PREVENTIVA.
Existem diversas formas de se prevenir de furos inconvenientes. Observando-as vc diminui em muito os riscos de ficar a pé.

* Mantenha sempre a calibragem correta dos pneus. Não rode com ele murcho. Nem sempre a recomendada pelo fabricante é ideal pra seu peso ou forma de tocada. Encontre a pressão ideal e mantenha sempre.
* Pneus muito gastos tendem a furar mais. Observe o limite de uso ( cada pneu tem uma delimitação diferente, normalmente uma lista ou ressalto nos frisos do pneu )
* Não use camaras de ar que ja foram muito remendadas.
* Evite passar pelas sarjetas das ruas. Nos cantinhos. Por ali seu pneu pode encontrar muitos objetos perfurantes.
* Procure rodar sempre na trilha dos carros a frente. ( isso tbm serve pra asfalto molhado ). As rodas deles limpam o asfalto.

- FUROU.

* Pare e faça uma inspeção no pneu. Veja se encontra o objeto perfurante. Caso ache, retire-o pra que ele não cause mais danos à camara de ar. NUNCA ande com a moto sem encontrar o que provocou o furo.
* Quando o pneu não tem camara, ele normalmente não esvazia de vez. Nesse caso não retire o objeto perfurante, pois ele diminui a fuga de ar.

- REPAROS INSTANTÂNEOS E VACINAS DE PNEU.
Esse tipo de recurso funciona muito bem com pneus sem camara. E muito pouco com pneus com camara. Quando o furo na camara é pequeno, resolve mas quando o furo é maior.... esqueça.

- O QUÊ TER OU LEVAR EM VIAGENS ???
Tenha sempre as ferramentas necessárias pra tirar a roda do lugar. Nem sempre vc encontra a ferramenta adequada estradas afora. Tenha tbm uma camar de ar nova guardada na bagagem. É melhor do que ter uma camara rasgada e não ter outra pra reposição.
Se vc souber se virar com mecanica basica, pode levar espátulas pra trocar a camara na hora e uma bomba pra encher. Mas sei que nem todos sabem fazer isso.

- TRUQUES E TRETAS MIL.
Quando se esta no mato, tem espatulas e não tem camara ( ou ela tbm ja furou ), vc pode encher o pneu com Mato mesmo. Folhas e etc. Isso deixa o pneu mais "durinho" e tira vc da furada.
Muitos que fazem trilha colocam um "macarrão" de isopor dentro do pneu ( aquele tipo boia de natação ), mantem o pneu cheio e "infuravel".
Outra treta "mui loca" é encher o pneu com bolas de borracha, tipo as de frescobol. Mesmo que uma fure as outras permanecem cheias. ( pra uso nas trilhas )
Existe um mousse pra ser colocado nos pneus sem camara. Ele ocupa todo o interior do pneu, mantem a temperatura baixa e NUNCA fura. Ja usei numa Kawasaki 1000 e ficou ali a vida ultil toda do pneu sem furar. Quase 15 mil km. ( só pra pneus tubeless)
Quando o pneu sem camara fura, vc pode substituir o objeto perfurante por um parafuso de rosca soberba ( aquele que começa fino e engorda). Ele tampa o vazamento. Vc vai até esquecer ele la. rsrsr


- PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR...
Por que diacho o pneu traseiro fura mais que o Dianteiro?
Simples!! O pneu dianteiro, quando passa por cima do objeto perfurante e levanta o dito cujo. Ato continuo o traseiro cata o objeto na posição de SENTIDO. rsrs

CONCLUSÃO.
Vcs tem mesmo que sofrer. Ninguem mandou nascer na contra mão e gostar de motos. Não tem step, não tem macaco, só tem duas rodas e se vc não ficar atento, um pneu furado te joga no chão.
MAS NÓS AMAMOS TUDO ISSO.
Bom dia. Abraço fraterno a todos.

E Vamos que vamos, Di motoca Sempre!!